O Céu e o Inferno

E xiste o Céu? Existe o Inferno? Aqueles que lá se encontram estão felizardos ou condenados a ficarem eternamente nestes ambientes? Há um local pré-determinado para o Céu e o Inferno? Onde será?

Existem anjos e demônios? Os anjos foram criados por Deus para contemplação do paraíso e para o descanso eterno? Os demônios foram criados por Deus ou criaram-se por si próprios? Há no Universo, duas forças que se contrapõem uma a outra, a de Deus e de Lúcifer?

Quando morrermos, para onde vamos? O que acontecerá conosco após a morte? Seremos salvos ou estaremos perdidos para sempre? Ficaremos descansando no Éden, ouvindo os sons melodiosos das harpas angelicais, ou seremos lançados no fogo do inferno, onde haverá prantos e ranger de dentes?
Kardec, utilizando-se de uma pedagogia comparativa, examina todas estas questões, exibindo as doutrinas religiosas e pagãs que tratam do assunto, confrontando-as com o ensino dos Espíritos e por fatos incontestáveis da situação do homem após a morte através da mediunidade.
Ao ler esta obra fica evidente que a concepção de um Deus soberanamente justo e bom só é possível se aceitarmos com a razão o que o Espiritismo nos esclarece.
Transcrevemos abaixo a passagem de Ezequiel colocada por Kardec no frontispício do livro. Ela é a representação singela do pensamento de Deus com relação aos seus filhos pecadores:

“Por mim mesmo juro – Disse o Senhor Deus – que não quero a morte do ímpio, senão que ele se converta, que deixe o mau caminho e que viva.” (EZEQUIEL, 33;11.)

Basta clicar na imagem, que voce poderá fazer o download dessa obra de forma gratuita em formato digital (pdf).

Comments

comments

Check Also

O que é o Espiritismo

A recomendação é de Kardec. Quem quiser iniciar seus estudos em Espiritismo deve começar por …